10/03/2017

[Resenha] Não Se Enrola, Não

| |

Título: Não se enrola, não
Autora: Isabela Freitas
Editora: Intrínseca
Páginas: 224
Nota: 4/5

Sinopse:
A vida de Isabela dá uma completa reviravolta depois do sucesso do seu blog, Garota em Preto e Braco. Decidida a perseguir seus sonhos, ela abandona o curso de direito , deixa a casa dos pais, em Juiz de Fora (MG), e se muda para São Paulo tão logo conquista um emprego numa badalada revista on-line. Enquanto se adapta aos novos tempos numa quitinete no Baixo Augusta, Isabela escreve seu primeiro livro. Seria perfeito se no apartamento  em frente não morasse o envolvente Pedro Miller e os dois não se embolassem regularmente sob o mesmo lençol. Não, não é namoro. Não, não é apenas amizade. É algo muito mais enrolado, um relacionamento sem um nome definido. Um "isso", como diz a personagem. Embora não tenha coragem de confessar seus sentimentos, Isabela sabe que está perdidamente apaixonada pelo seu melhor amigo. Após Não se apega, não e a sequência, Não se iluda, não, Isabela Freitas mostra neste Não se enrola, não os primeiros passos de seus personagens na vida adulta com toda a independência e as responsabilidades que ela proporciona. 

Para quem acompanha o blog desde que foi anunciada a data de publicação do livro sabe que eu estava mega ansiosa para ler, ganhei de presente de aniversário e com muita pena digo que veio em um dia não muito bom e eu enrolei bastante para terminar, um mês depois eu consegui concluir a leitura e preciso dizer que fiquei um pouco decepcionada.

A minha expectativa para essa leitura era muito grande, principalmente quando eu soube que haveria uma amizade colorida entre a Isabela e o Pedro, eu torço pelo casal desde o primeiro livro em que eles eram apenas amigos, mas algo já me dizia que essa relação ia além de uma amizade. O título do livro leva você a pensar que a Isabela estará enrolada com mais uma daquelas situações que só ela sabe se meter, mas eu achei muita enrolação para desenrolar a história.

Talvez eu não tenha lido o livro em um bom momento, sim, pretendo ler novamente em outra ocasião e se por acaso a minha visão mudar eu volto e conto pra vocês. O livro não é de todo ruim, mas achei o mais fraquinho de todos. Fico muito triste em estar falando dessa forma de um livro que eu deseja tanto e de uma série que eu amo tanto. Não é que eu não recomende, talvez eu tenha me decepcionado por ter sido totalmente diferente do que eu imaginei que seria, mas o fato é que eu não amei esse livro como eu amei os outros. Mas ainda assim estou muito ansiosa pelo próximo, apesar de ter um pouco de medo do que vai acontecer, mas com toda certeza é um livro que vou comprar assim que for lançado.

Bom, eu estava devendo uma resenha e a volta do blog, mas muitas coisas acontecendo na minha vida que foi difícil retornar quando eu planejei, mas agora vou tentar voltar à ativa e continuar compartilhando coisas bem legais com vocês. Não desistam de mim porque eu não desisti de vocês.

Beijos da Isabel!  

Nenhum comentário:

Postar um comentário